No dia 1 de dezembro de 2015, pelas 10:20 horas,NA BE-restauracao-independencia3 realizou-se na Biblioteca Egas Moniz, da Escola Nuno Álvares, uma pequena palestra dada por dois alunos do 11º ano aos alunos de 8º ano, no âmbito das comemorações dos 375 anos da União Ibérica e a Restauração da Independência.

O dia 1 de dezembro de 1640 foi um dia muito importante para Portugal, pois quarenta fidalgos dirigiram-se ao Paço da Ribeira e aclamaram D. João, Duque de Bragança, como rei de Portugal, com o título de D. João IV. A Restauração da Independência foi o resultado de um período de grande descontentamento por parte da população portuguesa que não estava satisfeita com a união entre Portugal e Espanha, pois essa união originou problemas ao povo português, como o aumento dos impostos e o envolvimento nos conflitos de Espanha.

Após o acontecimento de dia 1 de dezembro de 1640,

NA BE-restauracao-independencia1 Espanha entrou em conflito com Portugal e após se terem travado várias batalhas, Portugal saiu vencedor. Passados 28 anos, em 1668, Espanha finalmente reconheceu a Independência de Portugal.

Ana Clara Cruz,
8ºB

 

Dia 1 de dezembro, assinala-se o dia da restauração da independência de Portugal. Para comemorar essa data, a nossa professora de história levou-nos a assistir a uma apresentação realizada por dois alunos do 12ºano da nossa escola. Eles estiveram a recordar-nos, através de um PowerPoint, a queda do império português, a queda do império espanhol, a sucessão ao trono e a restauração da independência.

Carolina e Cláudia,
8ºB

NA BE-restauracao-independencia2