Uma turma do 7.º ano, deslocou-se, no dia 15 de maio, à Biblioteca Escolar da Escola Cidade de Castelo Branco. A missão revestiu-se da maior importância: recuperar livros fugitivos. Assim, na Biblioteca, a Professora Bibliotecária começou por dar a conhecer os objetivos da missão e a forma como a Biblioteca se encontra organizada para, depois da captura dos “fugitivos”, ser possível a sua correta arrumação. Com a colaboração da Professora de Geografia, os alunos orientaram-se através de um guião que lhes fornecia as coordenadas geográficas necessárias para cumprirem a Missão com sucesso. Assim, aconteceu! Com o GPS numa mão e o guião noutra, os alunos passaram à ação. Pelo recinto da escola, e num dia já primaveril, cada grupo foi seguindo as coordenadas geográficas de latitude e longitude que os conduziram às pistas importantes para a descoberta dos livros desaparecidos. E assim foi! Os livros foram prontamente capturados e identificados, tendo os alunos preenchido uma ficha bibliográfica.

A ordem voltou à Biblioteca. Missão cumprida com sucesso!

Esta atividade permitiu aos alunos englobar os conhecimentos geográficos já adquiridos com conhecimentos relacionados com a referência de documentos e preenchimento de fichas de leitura. Assim, foi possível numa mesma atividade desenvolver quase todas as Competências do Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória tais como: Linguagens e textos (Leitura do guião), Informação e Comunicação (Interpretar informação), Raciocínio e Resolução de problemas (Resolver o enigma), Relacionamento Interpessoal (relacionamento com os elementos do seu grupo e entre professoras e alunos), Desenvolvimento Pessoal e Autonomia (aplicar autonomamente os conhecimentos e saber deslocar-se no espaço) e Saber Científico, Técnico e Tecnológico (Ser capaz de utilizar o GPS ou a bússola).

Pela sua importância, entendemos que esta atividade deva ser desenvolvida, no próximo ano, embora com outros recursos e novos enigmas.