A Turminha dos Escalos de Baixo aderiu ao 2017.11.30 Plantar Portugal-EB Escalos de BaixoMovimento que pretende que Portugal, Escolas, Freguesias e Municípios entre os dias 15 a 30 de novembro fossem ao encontro da floresta para a Vivenciar, Proteger e para ajudar a Plantar Portugal, respeitando a biodiversidade e as espécies autóctones.

Na nossa escola desenvolvemos diversas actividades na semana de 20 a 24 de novembro.

Ao longo da semana a Turminha plantou sementes de pinheiro bravo e bolotas de sobreiro em vasos reciclados feitos e decorados por nós. Conhecemos as principais espécies autóctones (sobreiro, azinheira, carvalho, freixo, medronheiro...) e a sua importância nas nossas florestas.

Na sexta-feira, dia 24 de novembro em parceria com a Junta de Freguesia, a Turminha e os alunos do Jardim de Infância participaram numa apresentação a cargo de Marta Duarte, Eng.ª Florestal, Magarefa - Associação de Marta Duarte, Eng.ª Florestal, Magarefa - Associação de Produtores Florestais, Sarzedas, Artur Lourenço, Eng.º Florestal, Gabinete Técnico Florestal - Câmara Municipal de Castelo Branco e José Roque, Assistente Operacional - Câmara Municipal de Castelo Branco. Florestais, Sarzedas. Participaram também:

- Artur Lourenço, Eng.º Florestal, Gabinete Técnico Florestal - Câmara Municipal de Castelo Branco e José Roque, Assistente Operacional - Câmara Municipal de Castelo Branco.
As condições atmosféricas desse dia, com queda de chuva, não permitiram que pudéssemos assistir a uma apresentação dos sapadores, nem à plantação das árvores mas esta segunda-feira, dia 27 de novembro, pelas 9h30 deslocámo-nos ao recinto do Pavilhão Multiusos para proceder à plantação de 10 árvores que foram apadrinhadas em conjunto pelos alunos da Turminha e do Jardim de Infância. Foram plantados 10 freixos.

O freixo é uma espécie autóctone que gosta de solos frescos e profundos, de porte médio, que pode atingir cerca de 25 metros de altura e de folha caduca. O freixo ainda serve para alimentar o gado com as suas folhas sobretudo, como este ano, em que outros "verdes" escassearam. Na medicina popular as folhas e as sementes de freixo curam a gota e o reumatismo, e a casca combate a febre e auxilia na cicatrização de feridas.

Conscientes da nossa responsabilidade na preservação das florestas, as actividades que foram desenvolvidas revelaram-se ricas em experiências e saberes. A Turminha irá continuar motivada na preservação das nossas florestas e atenta a todas as iniciativas futuras onde poderemos dar o nosso contributo.

A Turminha