No dia 20 de novembro, realizou-se, na nossa escola, o magusto, no qual participaram todas as turmas: alunos, professores e funcionárias.Magusto BE2
Com a participação dos alunos, que levaram caruma e algumas pinhas, pudemos acender uma bela fogueira onde se assaram algumas das castanhas e assim assinalar, como é devido, o mês de S. Martinho e festejar, simultaneamente, o outono.
À volta da fogueira, enquanto crepitava, os alunos entoaram canções alusivas, em ambiente de grande animação. Cabe dizer que a boa apresentação das canções decorreu da estreita cooperação entre professores titulares de turma e professor da área de Expressão Musical. Quando finalmente prontas, as castanhas foram saboreadas e todos brincaram e conviveram.

Ciência, Tradição e Cultura

Os alunos da E.B.1 Boa Esperança visitaram, no dia 17 de outubro, a exposição subordinada ao tema “Ciência, Tradição e Cultura”, no centro Nercab.
O certame foi promovido pela Escola Superior de Educação e mostrou o que a nossa região tem de mais genuíno, os seus produtos e atividades que há que preservar e divulgar: azeite, linho, olaria, apicultura, artesanato, bordado de Castelo Branco, entre outros.
Os alunos gostaram de ouvir os ensinamentos e sentiram de forma muito interativa os frutos da nossa terra: trabalhar o barro, cinzelar o granito ou provar os bons sabores do azeite.

Erradicar a pobreza

O dia 17 de outubro não foi esquecido pelos professores e alunos da E.B.1 Boa Esperança que decidiram fazer um cordão humano para assinalar a data.
Houve um momento de reflexão sobre palavras que tocam o coração de todos. O professor António Rico leu o “O Manifesto da Pobreza” - nesse momento, todos disseram “Não” à falta de respeito e ausência de dignidade da condição humana que a fome inflige e todos disseram “Sim” ao direito de nunca ter por perto esse flagelo chamado “Fome”.

Erradicar a pobreza_2

Roda dos Alimentos

Uma Roda dos Alimentos feita por todos e em benefício de todos – foi este o princípio de atuação dos alunos da EB1 Boa Esperança ao construírem uma Roda com alimentos trazidos de suas casas.

Aos alunos de 1.º ano coube trazer fruta; os alunos de 2.º ano estiveram incumbidos de trazer tubérculos, cereais, derivados e leguminosas; os alunos de 3.º e 4.º ano trouxeram produtos hortícolas.
Foi ativamente e com muito interesse que as crianças mostraram os seus alimentos e os souberam colocar no devido lugar.
Boas regras de alimentação e conselhos práticos foram reunidos num folheto que estabeleceu, ao mesmo tempo, a ponte entre a escola e a família.

 

No dia 7 de novembro, os alunos do 2º e 3º ano de escolaridade da escola Básica da Boa Esperança, deslocaram-se ao Instituto da Juventude de Castelo Branco, para participar numa palestra alusiva ao tema “Navega(s) em Segurança?”. Aqui tiveram oportunidade de identificar os perigos em que podem incorrer, aquando da utilização da internet. Após algum debate e partilha de experiências, os alunos ficaram a conhecer regras que devem seguir, a fim de não ficarem expostos a situações que ponham em causa a sua segurança na web. Um curto filme animado e humorístico prendeu atenção dos alunos. Para testar aquilo que aprenderam responderam individualmente a um questionário on-line.
Após a conclusão desta atividade ainda puderam visitar a exposição de cariz histórico, sobre a presença dos Templários no nosso país e na nossa localidade em particular.