O projecto EMPRETIC, Empreendedorismo, Redes Educativas e o uso das TIC, tem como objectivo principal o fomento do espírito empresarial nos alunos do ensino secundário mediante a colocação em prática de projectos transfronteiriços de inovação, baseados no uso de novos suportes TIC e centrados em actividades económicas tradicionais. Neste âmbito a Direcção Geral dos Estabelecimentos Escolares – Direcção de Serviços da Região Centro e a Junta de Castilla e Leon de Espanha implementaram a rede EMPRETIC, rede esta dos estabelecimentos de ensino da zona centro de Portugal e os centros educativos de Castilla e Leon.

Para alcançar os objetivos, a rede propõe-se a criar uma rede virtual de centros educativos de ambos os lados da fronteira, realizar projectos conjuntos de inovação educativa no âmbito do empreendedorismo e organizar encontros de alunos para acompanhamento e mostra de trabalhos.

Ao longo de dois dias, 19 e 20 de abril, os alunos de Alcañices visitaram o Agrupamento de Escolas Nuno Alvares, participaram em sessões de trabalho, e visitaram instituições e empresas do concelho de Castelo Branco.

Foi com bastante agrado que visitaram a empresa Gardunha-Agro, onde puderam ver o início do ciclo anual das cerejeiras, ameixeiras, damasqueiros e pessegueiros. Também tiveram oportunidade de visitar todo o restante equipamento desta unidade no que respeita a embalamento e comercialização, podendo concluir que se trata de uma empresa inovadora e com uma dimensão bastante considerável.

Do programa da visita fez parte também uma visita ao Centro Sericícola da APPCDM de castelo Branco onde os alunos tiveram oportunidade de acompanhar todos os procedimentos inerentes à produção da seda natural.

De seguida visitaram o Museu da Seda da APPCDM onde puderam associar os ensinamentos de campo com toda a informação do museu.

Para terminar a visita houve ainda a oportunidade de visitar o Centro de Interpretação Ambiental do Bordado de castelo Branco onde foi possível verificar de imediato uma das muitas aplicações da seda natural produzida na APPCDM.

Os alunos da escola Nuno Alvares e os seus parceiros espanhóis manifestaram a sua satisfação e encanto tanto pela qualidade dos produtos locais assim como pela beleza dos produtos finais que a seda natural pode proporcionar.

Na despedida pairou no ar a próxima visita dos alunos da escola Nuno Alvares a Alcañices e Zamora, que se irá realizar nos próximos dias três e quatro de maio do presente ano.