Nos dias dez e onze de maio de dois mil e dezassete,11 05 AENA-EMRC-Lisboa realizou-se uma visita de estudo a Lisboa, no âmbito da disciplina de EMRC, inserida na unidade letiva "As grandes Religiões e a Universalidade do Fenómeno Religioso", em interdisciplinaridade com História.

Nesta visita, participaram os alunos inscritos na disciplina de EMRC do Agrupamento de Escolas Nuno Álvares de Castelo Branco, acompanhados pela professora organizadora Maria Edite Gonçalves e ainda pelas docentes, Ana Isabel Almeida, Teresa Condeixa e pelo docente José Batista.

Os objetivos desta visita foram sensibilizar os alunos a agir em conformidade com as posições assumidas em relação ao fenómeno religioso, no respeito pelos valores fundamentais do diálogo e da tolerância e promover o diálogo inter-religioso como suporte essencial para a construção da paz entre os povos, mobilizando conhecimentos sobre a identidade de outra confissão religiosa não cristã.

No segundo dia da viagem, tiveram ainda oportunidade de visitar o Museu dos Coches, o Mosteiro dos Jerónimos, o Pavilhão do Conhecimento e, por último, o Oceanário, no âmbito da disciplina de História.

Os alunos gostaram muito, mostraram-se empenhados durante toda a visita, o que lhes permitiu adquirir novos conhecimentos e experiências e usufruir de momentos de convívio e alegria.

A professora Edite Gonçalves

Obras Liceu

 

Informamos todos os alunos, internos e auto-propostos, inscritos para provas e exames na Escola Secundária Nuno Álvares, de que as mesmas se realizarão na Escola Básica Cidade de Castelo Branco.

Esta situação resulta do início das obras de requalificação na Escola Secundária Nuno Álvares.

O Agrupamento de Escolas Nuno Álvares 25.05 Dias Termpláriosesteve presente nos Dias Templários, com os clubes de Teatro, Percussão, Dança e Património.

O dia 26 de maio, sexta-feira, foi dedicado aos mais novos. Os grupos das várias escolas desfilaram das "Docas" até à Praça Velha (Luís de Camões), onde se leu o foral medieval, rufaram os bombos, donzelas dançaram à moda da época e se dramatizou a vinda de D. Nuno Álvares Pereira (séc. XIV) e o assassinato do alcaide-mor da então vila de Castelo Branco (séc. XVII).

O desfile continuou até ao castelo templário, onde se repetiram as atuações, entremeadas por sandes de febras de porco assado no espeto, bem regadas por muita água e sumo. Alguns gulosos não resistiram aos crepes que os desafiavam ali mesmo ao lado!

Foram os nossos "momentos Templários". Para o ano há mais!

No passado dia 18 de maio, os alunos do 8º ano 18 05 Aenacb Visita Salamancaque frequentam a disciplina de Espanhol no Agrupamento de Escolas Nuno Álvares, em Castelo Branco, realizaram uma vista de estudo a Salamanca, no âmbito do plano anual de atividades daquele grupo disciplinar.
Nesta atividade participaram alunos das escolas Nuno Álvares, Cidade de Castelo Branco e Faria de Vasconcelos, tendo como objetivos fomentar o gosto e curiosidade pela língua e cultura espanholas, adquirir estruturas comunicativas em contexto real, promover as relações interpessoais e contribuir para a construção do conceito de cidadania europeia.

O Agrupamento de Escolas Nuno Álvares visitou, 18.04 cernno início do 3º período letivo, o Centro Europeu de Investigação Nuclear, CERN, em Genebra – Suíça.

Esta visita de estudo, inserida no âmbito das disciplinas de Química e Física de 12º ano de escolaridade, deu a oportunidade, pela primeira vez na nossa cidade, a que alunos do ensino secundário pudessem observar o centro que se encontra na vanguarda de investigação em Física de partículas.

Neste centro, cerca de 1500 Físicos, Engenheiros e Técnicos, incluindo 350 estudantes de pós-graduação provenientes de 154 Instituições académicas de 37 Países, realizam experiências que procuram dar respostas a questões fundamentais tais como o que acontece à matéria quando é aquecida 100000 vezes da temperatura interna do Sol ou por que é que os protões e os neutrões pesam 100 vezes mais que os quarks que os constituem. Segundo Siegfried Foertsch, coordenador para o projeto ALICE (A Large Ion Collider Experiment - experiência de grande colisão de iões, uma das maiores experiências do mundo dedicada à pesquisa da física da matéria à escala infinitesimal), "o que motiva as pessoas nestas experiências é entrarmos em "terra incógnita", completamente "nova ciência", é a procura do desconhecido".