Para assinalar o dia das Bibliotecas Escolares, dia 24 de outubro,Domingos Amaral 01 a Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Nuno Álvares tomou a iniciativa de convidar um escritor português de reconhecido mérito. Assim, no passado dia 26 de outubro de 2016, a comunidade educativa da ESNA pôde apreciar as palavras do escritor Domingos Amaral na Biblioteca Egas Moniz e conversar sobre a sua obra.

Tendo iniciado a sua atividade laboral no mundo do jornalismo, Domingos Amaral é atualmente professor de Economia do Direito na Universidade Católica Portuguesa e colabora no programa televisivo Irritações na SIC Radical.

A carreira literária, iniciada no despontar do segundo milénio, abarca, entre outras obras, onze romances já publicados e que o próprio classificou como romances históricos, uns, e retratos da atualidade, outros.

              Domingos Amaral 1                Domingos Amaral 2

Nos intervalos da manhã dos dias 18 e 19 de outubro, Feira Livro NA 1os alunos responderam ao desafio da Biblioteca Escolar e dinamizaram uma feira do livro, com o intuito de promover não só a leitura como também a reutilização de documentos essenciais como são os livros.Feira Livro NA 2

A preços muito acessíveis, os livros foram apreciados pelos estudantes e a iniciativa decorreu de forma bastante positiva.

Boas leituras!

 

PEONIA1. 40x60cm

 

 

Os docentes do Agrupamento Nuno Álvares participaram numa visita à exposição "El único jardin", de Miguel Elias, reconhecido pintor e professor da Universidade de Salamanca, patente no Museu Francisco Tavares Proença Júnior. A visita, organizada pela Biblioteca em articulação com o prof. Carlos Matos, foi conduzida pelo próprio pintor, que deu explicações elucidativas sobre a sua técnica artística e significado de algumas obras de arte.

 

 

Na IV edição do Fronteira – Festival Literário de Castelo Branco –Edicao Fronteira 01, a Escola Secundária Nuno Álvares teve o imenso prazer de receber o escritor e cartoonista Luís Afonso, que cativou sobremaneira os jovens estudantes, numa sessão organizada pela Biblioteca Escolar.

Foi na Biblioteca Egas Moniz, repleta de alunos e professores, que este autor revelou um pouco da sua biografia, dando a conhecer o seu trabalho de cartoonista em Portugal. Guiou o auditório através da sua carreira, que se iniciou no ensino, enquanto professor de Geografia, encontrando-se há vários anos a publicar o seu trabalho de cartoonista em diversos jornais nacionais. Mostrou como constrói os seus cartoons, nomeadamente a mosca e o Bartoon, e como procede para se manter sempre atualizado e preparado para olhar os factos com humor e espírito crítico.