2017 10 4 CCB Dia do Animal

 

 

Os alunos do 4.º ano, das Escolas Cidade de Castelo Branco e Boa Esperança, viveram o Dia do Animal, em sessões dinamizadas pela Biblioteca Escolar, tendo concluído que os animais são muito importantes nas nossas vidas. Eles fazem-nos companhia, ajudam-nos nas tarefas diárias e, até, dão o seu contributo no tratamento de muitas doenças.

Os alunos identificaram, através de fotografias de animais, atitudes e sentimentos bem humanos. Os animais até nos dão lições de vida e podemos aprender muito com eles, no sentido de nos tornarmos melhores, com mais sensibilidade, respeitando mais os outros. Posteriormente, foi feita uma exposição de trabalhos alusivos a esta temática.

BIBLIOPAPAPER-PARA-ALUNOS-DO-7

 

Os alunos de 7º ano da Escola Secundária Nuno Álvares vieram conhecer a Biblioteca Escolar

A Biblioteca/ Centro de Recursos da Escola Secundária com 3.º Ciclo Nuno Álvares promoveu, na primeira semana de aulas, uma atividade dirigida aos alunos do 7.º ano, para dar a conhecer os recursos que a biblioteca lhes poderá proporcionar ao longo da sua escolaridade.

A coordenadora da biblioteca organizou uma ficha – BIBLIOPAPER – que abrangia diferentes aspetos, desde o horário de funcionamento, à pesquisa de títulos e autores de obras juvenis, de obras maiores da literatura nacional e estrangeira e de obras de referência, que os alunos deveriam preencher depois de uma pesquisa silenciosa pelo espaço.

No final, foram convidados a expressar a sua opinião sobre a biblioteca.

Uma-aula-diferente-Nadir-afonso

Entre as 10h00 e as 11h50 do dia 29 de setembro de 2017, as turmas do 10º B e do 11º D da ESNA (com opção em Geometria Descritiva) tiveram a oportunidade de visitar a exposição de Nadir Afonso, na Galeria Municipal de Castelo Branco.

De parceria com os professores de Artes, nomeadamente Geometria Descritiva, da Escola Nuno Álvares, a Biblioteca/Centro de Recursos da ESNA organizou uma visita guiada ao espólio artístico de Nadir Afonso, pintor e arquiteto português de renome, que privou de perto com grandes nomes da pintura, como Picasso e da arquitetura como Le Corbusier quando, no início da sua carreira profissional, se radicou em Paris.

Para além de se poder apreciar a pintura deste artista que passou por várias fases, os alunos tiveram a tarefa adicional de tentar reproduzir o estilo tão peculiar e característico deste pintor que, de simples linhas e figuras geométricas, criou e retratou universos de extrema beleza.

promover-a-leitura-NA

 

A Editora Alma Azul celebrou os seus 18 anos com a Biblioteca Escolar da Escola Secundária Nuno Álvares. Partindo de uma obra de Rui Zink, O Destino Turístico, foi dinamizada uma atividade de promoção da leitura numa turma de 11º ano, na aula de literatura. Os alunos leram, receberam livros oferecidos pela editora e ficaram conquistados para a descoberta das letras e da literatura.

"A palavra é como o açúcar, a palavra é como a papoila, precisa de passar por um processo de transformação, de refinamento, de ser calcada, submetida a um processo de de alquimia (para ser entendida, para ser derramada, para ser bebida), necessita de repousar quente em amplas caldeiras e depois ainda de estagiar, anos a frio, em barris de casco de carvalho previamente untados com especiarias maravilhosas". Rui Zink, O destino Turístino, Editora Teodolito

Encontrar e recuperar "Documentos Desnorteados" 18 05 CCB 7E Missão na bibliotecafoi a missão do 7ºE, no dia 18 de maio. A Biblioteca da EB Cidade de Castelo Branco, em articulação com a disciplina de Geografia, realizou a atividade em que os alunos começaram por ouvir os objetivos desta importante missão: procurar e capturar livros "fugitivos" da Biblioteca que se encontravam dispersos no espaço escolar. De seguida, a professora bibliotecária explicou como se encontra organizado o espaço da biblioteca, a fim de os alunos poderem restituir, aos seus lugares, os livros encontrados. A professora de Geografia elaborou um guião de orientação para que, com a ajuda de bússolas e de pistas geográficas, os "fugitivos" pudessem ser capturados e identificados, tendo os alunos preenchido as respetivas fichas bibliográficas e procedido à correta arrumação dos mesmos, no regresso à biblioteca.

A missão foi concluída com grande sucesso para alívio de todos os participantes.